Home Portal do Níquel Galvabrasil Prêmio Brasil Galvanizado Zinco Salva Crianças Facebook EN

Notícias e Artigos Explore mais notícias e artigos

07/05/2020

O maior hospital modular da América do Sul é construído em Nova Iguaçu

Fonte: Casa.com.br

O hospital, após a pandemia da Covid-19, ficará de legado para a cidade, com 300 leitos e área administrativa


(Divulgação/Casa.com.br)

Sabemos que muitas medidas têm sido tomadas para combater o contágio da Covid-19 e para dar atendimento à quem já contraiu o vírus. Porém, o Coronavírus tem avançado cada vez mais rápido. Na manhã do dia 4 de maio, foi divulgado que 98% das UTIs do Estado do Rio de Janeiro já estão ocupadas, onde centenas de pessoas aguardam na fila de internação e 399 transferências para outros hospitais.

A boa notícia é que o Governo Estadual do Rio de Janeiro, através da Seinfra, está construindo, em Nova Iguaçu, Baixada Fluminense, um hospital que vai além dos comuns de campanha. Trata-se do maior hospital modular da América do Sul, com capacidade para 300 leitos, cada 100 deles em três módulos.

A Secretaria de Estado de Infraestrutura e Obras (Seinfra) está programando a entrega do primeiro módulo, que irá abrigar 100 leitos (sendo 40 de UTI) e o módulo administrativo, no dia 15 de maio, sendo a entrega dos dois módulos seguintes (cada um com espaço para 100 leitos, sendo 40 de UTI) para a dia 31 de maio.

Embora seja um grande desafio, por ser o maior equipamento modular da América do Sul, com 12.800 m de área construída, o secretário Bruno Kazuhiro acertou com a empresa Quick House, vencedora da licitação, agilidade na conclusão, já que o Hospital Modular de Nova Iguaçu será importante não apenas na pandemia da Covid-19, mas ficará de legado para a saúde fluminense.

Além de vir em uma boa hora, a estrutura de todo o hospital está de acordo com as medidas necessárias para atender os pacientes em estados mais graves, com climatização, janelas e todos os itens necessários.


(Divulgação/Casa.com.br)

A construção também está alinhada com questões ambientais. A estrutura, segundo o responsável técnico da obra, o arquiteto Roberto Becker, é toda em aço galvanizado, com revestimento de drywall e placa cimentícia. São cerca de 1.000 toneladas de aço galvanizado na obra.

O sistema usado dispensa o uso de cimento e argamassa em sua composição, reduzindo o consumo de energia, o desperdício de material e de custos extras com mão de obra. A estrutura é toda parafusada, o que agiliza a montagem e desmontagem do equipamento. Segundo Becker, a versatilidade do modelo construtivo permite que ele seja usado em todo tipo de obra.

Fonte: Casa.com.br

 


Leia outras notícias e artigos

Associados ICZ

B.BOSCH GALVANIZAÇÃO DO BRASIL
Beretta Galvanização
Galvanização Raitz
Ind. Tudor de Baterias
K.D.Feddersen  - W.Pilling
Morlan S. A.
Multigalva Tecnologia em Metais
Nexa Resources
Oxiprana Indústria Química Ltda
TRATHO METAL QUÍMICA LTDA.
ZINKPOWER
Ztec Galvanização a fogo