Home Portal do Níquel Galvabrasil Prêmio Brasil Galvanizado Zinco Salva Crianças Facebook EN

Notícias e Artigos Explore mais notícias e artigos

19/12/2016

Vale quer fornecer níquel para baterias de carros elétricos

Fonte: O Globo

Enquanto se desfaz de ativos e reduz investimentos, a Vale busca novos mercados para seus produtos. A empresa quer se tornar fornecedora de níquel para produção de baterias de carros elétricos. Segundo o presidente da mineradora, Murilo Ferreira, a companhia estaria bem posicionada para atender ao mercado automotivo de Estados Unidos, Canadá e Ásia.

Ferreira participou ontem de evento em Nova York, quando anunciou corte de 19,6% — para US$ 4,5 bilhões — na previsão de investimento para 2017, na comparação com este ano. Com a queda no preço do minério ontem, as ações da Vale na Bovespa caíram 4,18% (preferenciais), para R$ 26,35, e 5,9% (ordinárias), para R$ 29,18.

A Vale é a maior produtora de níquel do mundo, segmento em que atua desde a compra da canadense Inco, há dez anos. Tem minas em Canadá, Nova Caledônia e Indonésia, além de no Norte do Brasil. Nos nove primeiros meses de 2016, a produção atingiu 228 mil toneladas. Com os preços em baixa nos últimos anos, Ferreira cogitou fazer um IPO (abertura de capital) da unidade de metais básicos, na qual se insere o níquel, mas mudou de ideia.

— O crescimento de carros elétricos será explosivo. Acredito que, em cinco anos, teremos metade da produção de carros nos países do G7 (grupo que reúne EUA, Alemanha, Canadá, França, Itália, Japão e Reino Unido) de carros elétricos. Temos capacidade para suprir (parte da necessidade) dos mercados de América do Norte e Ásia — disse Ferreira durante o Vale Day, quando a companhia divulga seu plano de investimento para os próximos anos.

Liliane de Souza, coordenadora do Laboratório de Acumuladores de Energia Elétrica do Senai, avalia que o cenário vislumbrado por Ferreira pode ser viável se considerados os chamados carros híbridos, movidos a motores de propulsão (como os tradicionais) e a motores elétricos.

Segundo ela, o maior obstáculo ao desenvolvimento dos carros elétricos são as redes de abastecimento — postos com estrutura para alimentação de baterias. Há quatro tipos de baterias em uso ou teste. A mais desenvolvida é a de íon-lítio.

META DE DIMINUIR DÍVIDA EM 2017

Ferreira anunciou novas projeções de investimentos. A previsão para o próximo ano é de US$ 4,5 bilhões, abaixo da estimativa para 2016, de US$ 5,6 bilhões. No Vale Day do ano passado, as projeções eram de US$ 6,2 bilhões para 2016 e US$ 5,3 bilhões para US$ 2107. Nos nove primeiros meses do ano, foram investidos US$ 4 bilhões.

A redução de investimentos se deve, principalmente, ao fato de que os principais projetos de expansão, como o S11D (expansão de Carajás, no Pará), estão em início de operação.

PUBLICIDADE

Com menor necessidade de investimento, o ciclo de desinvestimento da Vale também vai chegando ao fim. Além disso, Ferreira reconheceu que a alta nos preços das commodities metálicas e do minério de ferro reduz a necessidade de vendas de ativos. Desde 2011, quando assumiu a presidência da Vale, foram US$ 12,7 bilhões em desinvestimentos.

A venda de ativos tinha o objetivo de fazer mais caixa e reduzir a dívida. Segundo o executivo, se o preço do minério de ferro se mantiver na faixa de US$ 60 a tonelada, a empresa alcançará a meta de reduzir a dívida líquida para entre US$ 15 bilhões e US$ 17 bilhões no ano que vem. Ontem, a cotação no mercado à vista chinês fechou em US$ 77,30 a tonelada, queda de 4,37%. No fim de setembro, o endividamento estava em US$ 25,9 bilhões.

Ferreira disse que está confiante na renovação do acordo de acionistas. Na véspera, o Conselho de Administração da Vale aprovou a distribuição de US$ 250 milhões aos acionistas em dividendos, referentes a 2016.


Leia outras notícias e artigos

Associados ICZ

B.BOSCH GALVANIZAÇÃO DO BRASIL
Galvânica Beretta Ltda
Galvanização Beretta Ltda.
Ind. Tudor de Baterias
Indústria Elétrica Marangoni Maretti Ltda.
Morlan S. A.
TRATHO METAL QUÍMICA LTDA.
Votorantim Metais S/A
ZINKPOWER
Ztec Galvanização a fogo